Nova Diretoria CRECI-AL – Triênio 2019/2021

Clima de otimismo e perseverança marca início
dos trabalhos da nova diretoria do Creci-AL

‘‘Compromisso de todos nós será o de retribuir a confiança mostrada pelos corretores de imóveis de Alagoas nas urnas, fazendo um mandato comprometido com ética, credibilidade e cheio de perseverança, em busca de novas conquistas para a categoria”, disse o presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis de Alagoas (Creci-AL), Edilson Brasileiro, antes de começar a primeira reunião da sua diretoria, na manhã desta quinta-feira (03).

Edilson Brasileiro é o novo presidente do Creci-AL para triênio 2019-2021. Ele assumiu a presidência do órgão, junto com os diretores, na terça-feira (1º), depois de ter sido eleito pela categoria (em 3 de maio) e empossado pelo Cofeci (em 29 de novembro), no ano passado.

Brasileiro tem larga experiência no setor imobiliário, atuou na Caixa Econômica Federal, durante 16 anos, em pareceres de programas imobiliários como Minha Casa, Minha Vida, Imóvel na Planta e Aquisição com Recursos do FGTS e SBPE, foi gerente do Banco Nacional, na área imobiliária, durante três anos; secretário-geral da Ademi-AL, cinco anos; diretor Jurídico Imobiliário das construtoras Empretel, Projetec; exerceu várias funções na imobiliária Control, 18 anos; na área imobiliária da Usina Triunfo, dois anos, e da Usina Agrovale (Juazeiro-BA), oito anos; gerente na área imobiliária da Habital (do Grupo da Usina Triunfo), três anos; assessor jurídico do Sindimóveis-AL, seis anos.

Ele destacou que a união dos diretores será o instrumento mais importante para encarar e superar as dificuldades que possam aparecer no dia a dia desta nova gestão. “Nossa responsabilidade é grande, já que o Creci-AL é participativo na busca de avanços para a categoria, na fiscalização e qualificação do mercado imobiliário. Vamos fazer um trabalho conjunto, comprometido com os corretores, já que nós somos referência. Quando nós avançamos, o setor avança também”, comentou.

Esta e a composição do Creci-AL 2019/2021:

 

Conselheiros Efetivos

 

Edilson Brasileiro Medeiros
Agamenon Fontan de Melo Junior
Antônio Carlos Firmino Costa
Arleide Buarque dos Reis
Alexandre Araújo Bentes
Adelmo Guimarães Braga Costa
Benjamim de Brício Machado de Omena
Edvaldo Silva Gonçalves
Geraldo Freire Gonçalves Filho
Gerson Tavares Santos de Menezes
Gileno Bubem Sampaio Malta
Giovanni Montini Monteiro Costa
Hélder Pita de Almeida
Hiran Calheiros Malta
Ione Marques Malta
Jorge Pinheiro de Moura Júnior
Jorge Salomão de Mello
Luiz Fernando Oiticica Lima Júnior
Marcelo Brasileiro Santos
Maurício Laurentino da Silva Júnior
Pedro Romualdo Neto
Sérgio Cabral do Nascimento
Tales Denisson Pimentel Cardoso
Uilton Vasconcelos
Vilmar Pinto da Silva
Walderi Gouveia

 

Conselheiros Suplentes:

 

Abrahão Barros Soares
Adriano Galvão do Espirito Santo
Alex Omena Gomes de Barros
Alzira Maria Tenório Fontan
André Durval Sarmento Rosa
André Felipe dos Santos Souza
Antônio Vieira da Silva
Eduardo de Barros Paes
Emmanuelle de Omena Nobre Leite
Enaldo Oliveira Lima
Eudes Lima Gusmão Júnior
Geraldo Junior Barbosa de Freitas
Givanildo Gomes de Lima
Hebel Nutels França
José Aroldo Casado Gama
José Temistocles Pereira Neto
Kelton Lucas de Souza
Lineu Monteiro de Souza Júnior
Marcelo Palmeira Salles
Maria Aparecida de Oliveira Berto Machado
Maria do Socorro Silva Bezerra
Sávio Lúcio de Azevedo Martins
Sotero Rocha de Souza
Thiago Antônio Monteiro de Alcântara
Tonio Passos Campos
Valfrido da Silva Libardi Junior
Vicente Paulo Alves Lopes

 

Diretoria:

 

Edilson Brasileiro Medeiros (presidente)
Ione Marques Malta (1ª vice-presidente)
Hélder Pita de Almeida (2º vice-presidente)
Edvaldo Silva Gonçalves  (1º secretário)
Maurício Laurentino da Silva Júnior (2º secretário)
Tales Denisson Pimentel Cardoso (1º tesoureiro)
Agamenon Fontan de Melo Junior (2º tesoureiro)

 

Conselho Fiscal Efetivo:

 

Alexandre Araújo Bentes
Uilton Vasconcelos
Antônio Carlos Firmino Costa

 

Conselho Fiscal Suplente:
Uilton Vasconcelos
Antônio Carlos Firmino Costa
Alexandre Araújo Bentes

 

Conselheiros Federais Efetivos:

 

Vilmar Pinto da Silva
Sérgio Cabral do Nascimento

 

Conselheiros Federais Suplentes:

 

Gerson Tavares Santos de Menezes
Jorge Salomão de Mello